Impostos e temas fiscais nos EUA

Para investir nos EUA e garantir um negócio lucrativo, é essencial compreender o funcionamento do sistema tributário internacional. Assim como a maioria dos países, o sistema tributário dos EUA tem peculiaridades que o tornam único. Suas características por vezes dependem do país que está envolvido no caso junto com os EUA. Por exemplo, alguns países têm acordos fiscais com os EUA, o que implica um reconhecimento mútuo do sistema tributário de cada país participante do acordo e impede a dupla tributação de investidores. Porém, há países que não têm acordos desse tipo com os EUA. Qualquer pessoa que receba renda nos EUA deve declará-la ao IRS (a Receita Federal dos EUA), e inscrever-se no ITIN (um número internacional para identificação de contribuintes).

As normas tributárias podem ser muito complexas dependendo do tipo de rendimento recebido. Por isso, recomenda-se que investidores de outros países consultem um especialista em Direito Tributário Internacional. Muitas vezes, o custo de contratação de um contador ou advogado é facilmente compensado pelo dinheiro que o investidor economiza ao lidar corretamente com o sistema tributário dos EUA. É recomendável consultar um especialista antes de assinar qualquer contrato, uma vez que suas recomendações podem influenciar o método da compra e a estrutura da escritura.

Clique aqui para encontrar um profissional 


investusa360 Guía de compra