Investimento, Estilo de vida

Estudando na Flórida: por onde começar?

By:

Estudando na Flórida: por onde começar?

Estudar na Flórida significa não apenas ter a oportunidade única de aprendizado e aprimoramento profissional que um intercâmbio oferece, mas também estar próximo a lugares incríveis em se tratando de entretenimento e cultura. Para quem ainda está na fase do planejamento da viagem, porém, os numerosos detalhes e a avalanche de informações podem ser um empecilho. Esse post está aqui para resolver algumas das principais dúvidas e direcionar quem ainda está perdido.

Antes de tudo, é preciso se preocupar com o curso. Essa etapa depende do tipo de estudo que você está buscando. Há cursos de idiomas, cursos específicos, faculdade, mestrado... Todas essas modalidades são bastante diferentes umas das outras e, consequentemente, serão oferecidas em diferentes instituições. O mais importante é pesquisar intensivamente sobre o curso que você deseja até encontrar aquele que ofereça o que você precisa e se adeque melhor às suas preferências e necessidades. Isso pode ser feito tranquilamente pela internet a princípio, mas quando já tiver uma noção das principais opções que lhe agradam, o mais recomendado é buscar opiniões sobre elas, tanto online quanto pessoalmente, com coordenadores de sua escola ou faculdade.

No caso de escolas e cursos livres, uma vez escolhida a instituição, basta que seja feita a matrícula para que se possa frequentar o curso. Outros casos, como o das universidades, é necessário passar pelo processo de aplicação. Nos sites das instituições, como da Universidade Central da Flórida, há todas as informações sobre esses processos, mas, normalmente, exige-se o preenchimento de formulários, histórico escolar, carta de apresentação, resultado da prova de proficiência em exames como o TOEFL e, no caso de um mestrado, a realização de uma prova.

É importante selecionar poucas instituições para que se possa cuidar melhor do processo de cada uma delas. Outra dica valiosa é estar atento com os prazos e fazer tudo o quanto antes. Provavelmente, além de várias exigências como as mencionadas acima, você terá que cuidar ainda da tradução juramentada de todos esses documentos e estar preparado para possíveis contratempos com todas essas burocracias. Após providenciar todo o necessário, é recomendável entrar em contato com a instituição para se certificar de que tudo foi recebido. No mais, como acontece no Brasil, é esperar pelo resultado, que sai em algumas semanas ou meses.

Uma vez matriculado em seu curso, finalmente chega o momento de ir atrás do visto. Antes de tudo, é preciso comprovar para a universidade que você tem renda o suficiente para se manter durante os estudos, o que é feito através de uma carta bancária assinada pelo banco informando o valor exigido. A instituição, então, emitirá um documento que lhe permita aplicar para um visto de estudante. O tipo de visto vai depender do tipo de programa em que você estiver inscrito. Para cursos acadêmicos, o estudante recebe o formulário I-20. Para intercâmbios, o visto é o J-1. Há ainda cursos não-acadêmicos com duração maior que 18 horas por semana, que exigem vistos M-1. O mais importante nessa etapa é verificar se todas as informações do formulário que você recebeu da instituição estão corretas, e então agendar a entrevista para o visto.

Quanto antes agendar sua entrevista, melhor. No mais, é interessante estar atento desde o início aos documentos e taxas exigidos para a aplicação do visto, o que será informado no momento da inscrição. Providenciar tudo corretamente e com antecedência e ir para a entrevista tranquilo são garantias de sucesso nessa etapa. Depois disso, sua única preocupação será aproveitar muito a oportunidade incrível de estudar na Flórida!

Quer saber se você se qualifica para imigração?
Deixe um de nossos especialistas ajudá-lo.

Clique aqui
Tags:

visto estudante, estudar na Flórida, intercâmbio na Flórida, visto americano, universidade Estados Unidos